Mostrar mensagens com a etiqueta sustentabilidade. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta sustentabilidade. Mostrar todas as mensagens

Youtuber cria máscara de pestanas ecológica e vegana (vídeo)


Sonia Sae é uma activista pelos animais que ficou conhecida depois de ter lançado um vídeo explicativo sobre a realidade da indústria do mel. O seu canal de Youtube é focado em vários temas sobre o veganismo, incluindo beleza cruelty-free. Adepta de produtos acessíveis e mais sustentáveis, publicou um vídeo com uma receita caseira de eyeliner/máscara que funciona muito bem e que só tem dois ingredientes: carvão vegetal activado (que pode ser substituído por sombra de olhos negra) e óleo de rícino. O óleo de rícino é fantástico a dobrar: além de ser natural e barato, tem propriedades fortalecedoras.

Maquilhagem zero waste | LUSH tem bases sem plástico para todos os tons de pele


Esta notícia chega atrasada, mas mais vale tarde do que nunca: finalmente, as bases da LUSH estão à venda em Portugal! A fazer furor nas lojas do Reino Unido desde Junho deste ano, os itens de maquilhagem para o rosto já podem ser adquiridos por cá. A gama Slap Sticks Solid Foundation é composta por 40 tons e consiste em bases sólidas feitas com óleos suavizantes. A cobertura é edificável e proporciona uma finalização refrescante.

Achados veganos: Desodorizante natural Saponina

Mais uma marca portuguesa e amiga dos animais e do ambiente A Saponina começou com o fabrico artesanal de velas e sabonetes e, actualmente, tem uma lista mais generosa. Foi com muita alegria que notei como o catálogo estava a crescer gradualmente, tanto pela qualidade dos produtos como pela dedicação visível que a Liliana coloca em cada um deles.


Como o meu querido desodorizante da Dr. Organic já estava a terminar, contactei a Liliana e encomendei um de palmarosa e tea tree, dois óleos essenciais com propriedades anti-bacterianas. Todos os desodorizantes Saponina têm unicamente ingredientes biológicos e naturais na sua composição, dos quais destacam-se:

A argila branca, para purificar e limpar;
O bicarbonato de sódio, para regular o pH do desodorizante;
A manteiga de karité e o óleo de coco, para hidratar e proteger a pele como ela merece.

Pequenos gestos para diminuir a pegada ecológica — Higiene feminina


A utilização de pensos e tampões convencionais provoca um impacto ambiental bastante negativo. Cerca de 13.699 de absorventes são usados, por segundo, nas zonas urbanas, o que resulta em 432 biliões de absorventes depositados em lixeiras e aterros.  Felizmente, existem alternativas ecológicas que acabam também por compensar na carteira.

Pequenos gestos para diminuir a pegada ecológica — Higiene e cosmética


Ao longo do tempo fui aprendendo que imensas coisas que nós consumimos mecanicamente acabam por ter consequências terríveis a nível da fauna e da flora. Algo aparentemente tão banal como usar plástico ajuda na destruição gradual do nosso planeta e dos seres vivos que habitam connosco. Precisamente por esse enorme problema, que acaba por tornar o plástico numa arma mortífera, muitas regiões tomaram resoluções como abolir os sacos de plástico e até mesmo talheres e copos descartáveis. No entanto, isso não é suficiente e a mudança deve partir de cada um de nós.

É assustador ler estudos que mostram as atrocidades que acabamos por cometer involuntariamente com a Natureza e com os animais: o Uniplanet tem publicado imensas informações relevantes acerca do assunto, como o caso do Rio Tejo estar a morrer devido à poluição e das aves que acabam por ingerir plástico em quantidades absurdas. A situação tornou-se tão crítica que já foram descobertas várias ilhas de puro lixo e um documentário foi realizado para trazer à superfície o que permanece oculto aos nossos olhos: The Mermaids' Tears alerta para o enorme perigo que o plástico oferece às vidas sencientes, particularmente as marinhas e as aéreas, ao anunciar números horrendos como a existência de plástico em 95% das aves.

É importante sermos cada vez mais conscientes e abraçarmos práticas sustentáveis para diminuir a nossa pegada ecológica: precisamente por isso, bem como pela ligação evidente à causa animal, decidi listar algumas coisas simples que podemos levar a cabo.

O copo menstrual: Uma opção segura e ética


O desejo primordial da mulher, durante o ciclo menstrual, é sentir-se bem: inúmeras marcas e tampões prometem conforto e higiene e podem ser encontrados em qualquer supermercado e nas lojas de conveniência. Todavia, até que ponto são seguros?
O copo menstrual veio para revolucionar o modo como lidamos com o período. Abaixo seguem algumas informações sobre ele e os motivos para o usar.